O que nos move: uma comunidade forte

O que nos move, desde sempre e para sempre, é a nossa comunidade. Mas este ano de 2019 foi especialmente importante para assumirmos o valor que lhe queremos dar. Num ano de imenso desenvolvimento e profissionalização é agora, no seu final, que conseguimos dizer com mais determinação que queremos que a comunidade seja o centro do menos. 

Sessão de Brainstorming num encontro de comunidade

Claro que tudo vem a seu tempo e todos os passos são importantes. O ano de 2019 permitiu que a equipa se reunisse mais vezes para falar sobre os pilares da estratégia do menos e, inerentemente, da sua comunidade. Sabíamos que queríamos uma comunidade íntima que conseguisse abrir-se sobre as suas maiores dificuldades e ter respostas (as possíveis) para os seus desafios.

Para isso, foram testados novos modelos de encontros com a comunidade em que, em vez de ser só um momento de “encontro de café”, passaram a ser encontros temáticos. Também começámos o processo de partilhar os perfis dos nossos empreendedores e de visitarmos, em comunidade, os espaços físicos onde operam.

Mas o mais importante de tudo são sempre, eles. Os que fazem parte da nossa comunidade. São eles que me inspiram todos os dias e que me fazem dizer, com a maior das certezas, que empreender é para os corajosos, para aqueles que tiveram a humildade e pinta necessárias para mudar a sua vida de rumo e pôr a mão na massa, por mais difícil que o caminho seja.

Este ano, começaram a falar e a partilhar cada vez mais, de maneira autónoma e orgânica na nossa página de Facebook o seu dia-a-dia, conteúdos que os inspiram, perguntas e respostas que tenham.

Este ano, mostraram a maior disponibilidade quando começámos a querer realizar os encontros físicos nos seus espaços. Ainda só fomos ao espaço da Escola do Sentir e do Lugar Específico, mas virão muitos mais. Nestes dois, fomos recebidos todos de braços abertos, e aprendemos muito com o talento das nossas empreendedoras. É que com tanta conversa sobre o processo de criar um negócio e mantê-lo, o bonito também é experiencia-lo em primeira mão.

Este ano, foram também de uma graciosidade quando começámos a fazer-lhes entrevistas para partilharmos o que fazem e o que são para os restantes membros da comunidade. As pioneiras foram a Paula Cardoso e a Elsa Serra. Os nossos membros são pessoas que não têm receio em partilhar todas as suas ideias, processos e aprendizagens. E isso é de uma generosidade imensa, e também de uma enorme inteligência.

Por isso, acabo a dizer que o que nos move são eles e a inspiração que eles nos dão para que nós, menos, queiramos cada vez mais que eles sejam a única coisa que importa.

Bruno (Travel Connections) a dar as boas-vindas ao Rodrigo (Dreamers Club) no cowork ResVés, prémio que ambos receberam no tradeshow

2020 será para investir ainda mais afincadamente e ambiciosamente para respondermos às suas necessidades como micro-empreendedores, de uma maneira sistemática. Esperamos estar à altura! Que venha daí este ano!

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Junta-te à nossa newsletter

Junta-te à nossa newsletter