Conheça o Wilques!

É com muito prazer que gostaríamos de apresentar um dos nossos mentores.

O Wilques Erlacher! Um coach de desenvolvimento e transformacional, membro e Associate Certified Coach ACC-ICF.

Para conhecermos melhor o Wilques, tivemos uma breve conversa com ele.

menos: Por favor, conte-nos um pouco sobre si.
Wilques: Quando me perguntam quem sou e o que me apaixona, a resposta que dou é rápida e directa: “sou alguém que gosta de ser e fazer parte do processo de mudança dos meus clientes”. Esta mudança pode ser na forma de trabalhar, de interagir, criar, gerir e liderar pessoas e criar e mudar processos que não estão a resultar.

Sou alguém determinado e focado em agir para alcançar resultados. Ficar parado a espera que algo aconteça não faz parte do meu ADN. Considero-me uma pessoa adaptável, cheio de recursos, empreendedor, com bom faro para encontrar soluções e uma forte intuição. O meu principal ponto-forte é a capacidade de questionar, de decidir e lançar-me na acção rapidamente.

Os meus valores são definidos por: Responsabilidade, Coerência, Objectividade, Empatia, Autoconfiança e Respeito pela Vida.

menos: Porque escolheu participar do programa de mentoria da menos?
Wilques: Não escolhi, fui escolhido e ainda bem. Inicialmente fiz parte da equipa de mentores da Sapana e foi através deles que tomei conhecimento do projecto “menos”. Gostei do que vi, e principalmente do que li sobre o projecto. Digamos que foi “amor a primeira leitura”.

Identifico-me muito com o princípio de poder contribuir com o que aprendi e conheço em prol do sucesso de outros. Dá-me um prazer imenso ver os projectos que estou a trabalhar em conjunto com o “menos” tomarem forma e crescerem conforme a vontade dos seus criadores/empreendedores.

menos: Conte-nos sobre o negócio que está apoiando e o processo de mentoria.
Wilques: O projecto que estou a trabalhar directamente a partir do “menos” é o da Madalena (Nena) Metelo com as suas esculturas. Sobre o processo que estou a desenvolver, trata-se de um misto entre mentoria e coaching de negócios.

Por respeito a confidencialidade da informação que sou obrigado pelo código de ética da ICF, o que posso dizer em forma genérica é que são sessões intensas e de muito brainstorming sobre o que a Nena acredita ser melhor para si e para o seu negócio. A evolução da mentoria/coaching, acredito que deva ser a Nena a falar.

menos: Qual é a sua experiência pessoal como mentor?
Wilques: Muitíssimo positiva e motivadora. Pela primeira vez, irei estar presente no dia 12 no evento do menos. Além disso tive uma experiência muito reveladora, positiva e dinâmica numa conversa com o João Duarte no início de agosto, que me ajudou a conhecer melhor o que o menos é e onde pretende estar dentro de pouco tempo.

Tenho absoluta certeza que isso será possível e me vejo como parte do processo de crescimento de muitos projetos e das pessoas que por lá passarem.

menos: Há algo que gostava de dizer a colegas profissionais que ainda não fazem parte de um programa de mentoria?
Wilques: Que para ser mentor do menos não basta ser, é preciso trabalhar e gostar muito do que se faz, é estar envolvido e ter uma capacidade mental diferenciadora para apoiar um mentorado.

É muito importante ter em conta que a complexidade dos projectos e ser muito mais do que um simples programa de mentoria. Ser mentor menos significa uma partilha de conhecimento, uma validação de ideias, não ser dono da razão, não ensinar mas sim deixar que o mentorado escolha e valide o melhor caminho, não haver certo ou errado, criar um espaço seguro para o mentorado poder abrir a sua cabeça e o coração para dar a conhecer o que pretende atingir e finalmente é um processo de co-criação do projecto (que poderá ser de vida) de alguém.

Muito obrigado, Wilques, por teres aceite o desafio! Se achas que tens o perfil, e que ser mentor é um desafio para ti, candidata-te já em: https://www.menoshub.com/comunidade Junta-te à nossa newsletter no final da página e siga-nos no Facebook e LinkedIn

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Junta-te à nossa newsletter

Junta-te à nossa newsletter